Como as carreiras dos professores geraram esta crise política  Jornal de Negócios – Portugal

O Governo começou por defender que não iria reconhecer aos professores (nem às outras carreiras especiais) o tempo de serviço prestado entre 2011 e 2017.

Ver cobertura completa no Google Notícias