Autonomia na gestão dos currículos abre portas à especialização
Público.pt
O representante dos estabelecimentos de ensino privado diz que, no limite, é possível preparar crianças desde o 5.º ano para entrarem em Medicina. Manuel Pereira, de uma das associações de escolas públicas, considera isso "perigoso". 0. Partilhar no 
Directores de escolas públicas satisfeitos com maior autonomia das Renascença

todos os 3 artigos de notícias »